Tem FM
  • Bom Retiro do Sul/RS

Nico López admite preocupação com bola aérea e pede concentração ao Inter

Uruguaio destacou que time espera aproveitar tempo para treinar o fundamento

Os dois gols de bola aérea marcados pelo Novo Hamburgo no Beira-Rio no jogo de ida da final do Gauchão preocupam o Inter para a decisão do próximo domingo. Nesta quarta-feira, o uruguaio Nico López admitiu que o time precisa treinar este fundamento e ressaltou a necessidade de atenção para a equipe não repetir os erros da primeira partida em Caxias do Sul.

“Estamos treinando muito a bola aérea e temos de seguir trabalhando. É questão de concentração. Nós temos treinado. Sabemos que tomamos dois gols de bola parada e que temos treinar isso. Temos de sair concentrados desde o primeiro minuto porque um erro pode custar muito”, disse o uruguaio.

Nico López ainda fez elogios ao time do Novo Hamburgo. Ele destacou que a equipe do Vale dos Sinos tem a melhor campanha do Gauchão, mas reforçou que o Inter tem obrigação de ganhar o estadual.

“Vai ser um jogo muito difícil porque o Novo Hamburgo é a melhor equipe até agora do Gauchão. Eles jogam bem no contra-ataque e marcam muito, mas sabemos que é uma final e temos que ganhar”, afirmou Nico, que lembrou dos problemas vividos pelo Inter em 2016 ao falar sobre a dificuldade em torno das lesões dos goleiros.

“É difícil. Nunca aconteceu isso comigo e creio que poucas vezes vai se repetir. É complicado pelo que estamos jogando e pelo que passou o Inter. Sabemos que temos que ganhar o Gauchão para começar bem o ano”, completou.

Link Notícia
Fonte: Correio do Povo | FOTO: Correio do Povo